Jogos Mobile – O futuro

Jogos Mobile – O futuro

Antes mesmo de analisar qual será o futuro dos Jogos Mobile, temos que entender de onde ele veio, qual foi seu começo e quais foram os personagens principais em sua história.

Estou certo de que você ira gostar desse artigo, pois ele remonta a história de algo que amamos: Os Jogos Eletrônicos para Mobile!

E como adicional, também darei no fim do artigo algumas dicas de conteúdos que de certo serão de seu interesse!

Bom vamos lá!

Onde tudo começou?

Assim como qualquer força econômica ou cultural nova que surge de tempos em tempo, a indústria de Mobile gaming não possui uma data específica que podemos apontar como seu início.

Mas se há uma data onde a maioria dos especialistas nesse setor concorda como a data início, essa foi em 1997, onde o aclamado e tão jogado Snake se tornou o primeiro jogo móvel a ser jogado compulsivamente.

the Snake jogo mobile da Nokia

De fato na época onde essa febre iniciou, a crença de todos era de que o celular não passaria de no máximo, um ajudante para PCs.

Bom, mas o cenário mudou bem nesses últimos vinte anos, os jogos para celular deixaram de ser somente pixels piscantes e se tronaram mundos virtuais complexos, hoje eles são jogados simultaneamente por milhões em todo o mundo.

Isso deu força ao mercado e criou empresas de jogos móveis em empresas multimilionárias (as vezes bilionárias).

Bom, será que temos claro que um possível futuro para os games será dentro da indústria de Mobile Gaming?

Se chegamos tão longe em 20 (desde o lançamento do snake), o que o futuro reserva para os jogos mobile?

Essa pergunta será respondida durante esse artigo!

Segue Lendo!

Quais são os principais pontos que levaram a evolução dessa indústria?

Desde mudanças de hardware e lançamento de melhores redes de internet Mobile até o recente e crescente papel de novas tecnologias como IA e VR.

Temos claro que tudo isso influenciou muito o formato atual de indústria de Jogos Mobile

Bom, mas blz.

Antes de começarmos nossa jornada, precisamos estabelecer uma base que cubra os principais marcos do presente dos jogos para celular, assim como algumas previsões para o futuro.

Afinal, você não pode saber para onde está indo, a menos que saiba onde esteve e onde está.

A origem dos jogos para celular – uma jornada de 1997 à 2016

Embora os jogos para Mobile existam, tecnicamente desde os primeiros telefones celulares, nós iniciaremos nossa história em 1997, quando o Snake se tornou o primeiro jogo para celular de sucesso.

Isso tudo começou após sua inclusão no Nokia 6110.

Bom desde então, a infraestrutura que deu um boost nos jogos para celulares, foi lançada.

O Protocolo de Internet sem fio (Wi-Fi) foi lançado e que possibilitou que esse setor desse um salto enorme.

Da mesma forma com o lançamento da iOS App Store (2007), seguido de perto pelo App Market do Google ( Atualmente sob o label de Google Play Store).


Já leu nosso artigo sobre Desenvolvimento de Jogos? Não??? Então toma:

O “Tiping Point” da Indústria de Mobile Gaming

Como uma métrica bem importante, nós nos baseamos na penetração do dos Smartphone nos EUA, que em 2012 atingiu a marca de 50%.

E tão logo essa marca foi batida, começou a ser gerado relatórios de dados de uso mais confiáveis sobre a atividade dos AppStores disponíveis no mercado.

Já em seu início, ficou claro que os editores de jogos para iOS e Android seriam grandes players nessa indústria que acabara de tomar forma.

Elas começaram desde cedo a se consolidar como grandes players.

Mas não foi até 2016 em que a receita de jogos para celuar ultrapassou a receita dos consoles e PCs.

Foi justamente nesse momento em que a indústria foi de uma criança, para a sua maturidade em apenas 2 décadas:

  • 1997: O Snake é Criado
  • 2002: O início dos games com download por wifi.
  • 2008: As App Stores são criadas.
  • 2009: O salto – A funcionalidade de compra foi adicionada aos Apps.
  • 2012: Nasce a febre Candy-Crush Saga e um novo modelo, o Freemium.
  • 2014: A receita anual da indústria bate os US$ 25 bi.
  • 2016: A receita do Mobile supera a indústria dos Consoles.

Mercado de Games Mobile: o Presente

Com o recente surgimento dos jogos de Estilo battle royale como Fortnite, PUBG e COD Warzone, o Mercado Mobile provou que a tecnologia havia finalmente avançado até um ponto em que a diferença de experiência de jogos mobile não ficaria por muito mais tempo atrás dos jogos de console / PC.

E como consequência, e as recompensas para as desenvolvedoras eram enormes.

Em 2018, o Fortnite já faturava uma cifra maior que US $ 100 milhões por mês, e isso é apenas receita direta para a desenvolvedora do jogo.

Embora os jogos de battle royale continuem no olofote, eles são apenas alguns dos exemplos de sucesso nos jogos para Mobile.

O recente surgimento de grande sucessos do cinema sendo lançados como Games, como Harry Potter-Wizards Unite e Jurassic World Alive.

Ambos os títulos são um sinal de grandes investimentos em tecnologias de realidade aumentada, que tornou o Pokémon Go um enorme sucesso.

O Enorme futuro que essa indústria está criando.

Bom, agora que já entendemos tanto de onde veio, e como estamos hoje em dia, está na hora de finalmente voltar nossa atenção para o futuro.

Aqui iremos abordar um futuro não tão longínquo, mas sim um horizonte de até 5 anos.

Como a tecnologia evolui em uma velocidade tão rápida, seria insensatez tentarmos prever um período maior que 5 anos.

Dito isso, a evolução da ciência de dados tornou a previsão uma ciência mais exata do que nunca.

Junte isso com a experiência existente hoje no setor e o conhecimento das principais tendências futuras, como exemplo a implantação do 5G, e então o futuro fica um pouco mais claro.

O futuro será aquele em que os jogos continuarão a puxar os avanços em hardware e redes mais rápida que, juntamente com outros avanços nas tecnologias de inteligência artificial, Realidade Aumentada e Virtual.

Sendo possível oferecer experiências cada vez mais personalizadas e que levarão os jogos cada vez mais imersivos para dispositivos móveis.

É previsto de que os jogos serão a categoria mais relevante na questão de gastos dos consumidores, até 2023.

Conclusão

Ainda acha que Gamer de Mobile não é Gamer?

Pense direito, em pouco tempo essa modalidade pode acabar se tornando a única, ou talvez a principal.

Muito obrigado!

Abs,

TCCP Moba Gaming.

Veja Também:

4 comentários sobre “Jogos Mobile – O futuro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *